sexta-feira, 12 de agosto de 2011

O Arquiteto

Hoje tenho o prazer de apresentar a vocês uma aspirante à arquiteta. Acho a profissão muito interessante e adoro ler livros e revistas sobre o tema com projetos criativos e soluções inteligentes para os mais diversos espaços. Há alguns meses, um casal de amigos comprou um apartamento antigo e decidiu reformá-lo por inteiro. Eles haviam reformado uma casa três anos antes e tiveram vários problemas com o mestre de obras e sua equipe, o que fez com que o orçamento estourasse e houvesse grande perda de material. Dessa vez, eles optaram por contratar uma arquiteta que se encarregou do projeto e do acompanhamento da obra. Acho que foi a coisa mais acertada que fizeram porque deixaram que um profissional especializado assumisse o trabalho, evitando um estresse desnecessário no decorrer do processo. Vamos saber mais sobre “o arquiteto”?

Priy

Olá! Meu nome é Priscila Yamany Medeiros, moro em Foz do Iguaçu e estive pesquisando sobre arquitetura para ver se me encaixo no perfil da profissão. Como consegui esse espaço no BONFA CONVIDA para compartilhar um pouco do conhecimento que adquiri durante a pesquisa, segue abaixo um texto que elaborei a partir dela. Agradeço a oportunidade oferecida pela Bonfa e espero que as informações possam ser aproveitadas pelos leitoras do blog de alguma maneira. Abraços!

A construção, seja de uma casa, seja de um escritório comercial, necessita, antes de qualquer coisa, bom planejamento. Quem vai usufruir do espaço quando a obra estiver concluída deve fazer parte desse planejamento para que suas principais necessidades sejam atendidas através da construção da obra. Entretanto, o papel do arquiteto, e de outros profissionais da construção, é fundamental e decisivo.

A arquitetura, uma das técnicas para construção mais antigas e de maior evolução, tem como função principal planejar e projetar determinado espaço a ser utilizado pelas pessoas, de modo que todo o ambiente seja bem aproveitado.

As principais responsabilidades atribuídas aos profissionais de arquitetura são: estudo e planejamento de projetos, criação do desenho técnico, pedidos de orçamento, medição e controle de qualidade, entre outras. Passo a passo, o trabalho do arquiteto pode ser definido da seguinte forma:

- Estudo preliminar: análise ou observação panorâmica, através da qual, o arquiteto vai determinar qual será a maneira mais adequada para iniciar as obras. Nesse primeiro momento, é imprescindível o contato entre cliente e arquiteto, pois cabe ao cliente escolher o lugar, mas é de responsabilidade do arquiteto avaliar se o lugar é ou não indicado para a construção;

arquitetura_jpg
http://www.freedigitalphotos.net/images/Business_People_g201-Showing_Hand_p6174.html

- Projeto pré-executivo: elaborado pelo arquiteto para definir e delimitar a estrutura e as instalações da obra, de forma que seja compreendida pelos que trabalharão na construção da obra. Nessa fase, o cliente também pode interferir, sugerindo e analisando as decisões do arquiteto;

- Projeto legal: constituído por desenhos e textos previstos na legislação que determina as normas para a construção civil. Esse projeto deverá ser analisado pelos órgãos competentes, para que seja aprovado ou passe pelas alterações necessárias. O CREA é um exemplo de órgão que faz a análise e a aprovação desses projetos;

- Projeto executivo: final traz as soluções e alterações definidas a partir do pré-projeto e do projeto legal. O projeto executivo é composto por plantas, cortes, especificações e demais detalhes que fazem e farão parte da obra a ser executada;

- A coordenação do projeto e a supervisão da obra podem ser feitas pelo arquiteto de duas maneiras: ele pode ser simplesmente o fiscal da obra ou pode ser o responsável por todas as etapas da execução da obra.

Outra função desempenhada pelo arquiteto pode ser o desenvolvimento de projetos de arquitetura de interiores, que diz respeito, principalmente à decoração, considerando a iluminação e o uso das cores, por exemplo.

Priscila Yamani
colaboradora do site Construindo e Reformando

………………………………………………………………………………………………

Priscila, muito obrigada por sua participação nessa seção e por compartilhar com a gente parte da pesquisa sobre a profissão que deseja seguir. Há mais de sete anos, quando tive a oportunidade de trabalhar em um escritório de design que também desenvolvia projetos de arquitetura, conheci profissionais da área com os quais aprendi muita coisa que coloquei em prática na obra da reforma do meu “apertamento”. Quer dizer, meu foco era a parte decorativa: revestimentos, pisos, acessórios de metal para banheiro e cozinha etc. Confesso que não tinha experiência nenhuma e nem me interessava pela parte técnica de uma obra, mas como trocamos toda a tubulação de água, gás, bem como a rede elétrica inteira, penamos com erros de profissionais sem qualificação. Gente, vocês não acreditariam nos absurdos que precisamos enfrentar durante a obra… foi um sufoco! Tivemos que quebrar o que já estava “pronto” e contratamos uma nova equipe para terminar o serviço mal-feito. Hoje em dia eu procuraria um arquiteto que me ajudasse com a distribuição dos espaços, o que considero vital no planejamento de uma reforma. Por exemplo, eu adoraria ter uma cozinha americana onde pudesse interagir com os amigos que ficam na sala de estar em dias de festa e talvez fosse interessante criar uma ligação entre o escritório e essa mesma sala por meio de uma porta de correr. Penso que isso seria bastante funcional e eu poderia “aumentar” ou “diminuir” o espaço, conforme a necessidade.

Para conhecer melhor a Prisicila e seus artigos, basta acessar o seguinte link:

http://www.construindoereformando.com.br/

Bom, pessoal, fica aqui a dica e desejo a vocês um ótimo final de semana!!!!

Bonfa ass

19 comentários:

Taia Assunção disse... [Responder comentário]

Nossa caçula pensa em seguir essa carreira. Esse é um dos motivos pelos quais devemos nos mudar para Vitória ou Vila Velha no final do ano. Por falar em mudança, estamos com o blog velho de cara nova e nome novo, o novo endereço é esse: http://www.epaetaiapelomundo.com.br Beijocas! ;-)

Ju Ramalho disse... [Responder comentário]

Achei extremamente interessante a entrevista!

Aborda vários aspectos da profissão com uma linguagem bacana de acompanhar.

Muioto bacana essa perspectiva!

Valeu Kátia!

Bjo

Ju Ramalho

Nicinha disse... [Responder comentário]

Primeiro como é bom passar por aqui, hoje desponibilizei esse tempo.Nada melhor que trabalhar construindo sonhos, uma casa é um sonho de muitos de nós..No momento estou curtindo toda a obra do nosso apartamento, estamos no começo do projeto, a melhor parte é o resultado.Já tive o sonho de ser arquiteta, terminei fazendo paisagismo e jardinagem.
Muito legal o post de hoje.
Bom Final de semana a todos..
Bjs Nicinha.

Carla Maciel disse... [Responder comentário]

Oi Bonfa, adorei o post!!! Sou arquiteta e tenho visto com o passar do tempo que a contratação de um arquiteto tem sido bastante valorizada em todas as classes sociais, o que há alguns anos atrás não acontecia. O que costumo dizer é que a contratação de um arquiteto permite que você conheça todo o potencial de seu espaço permitindo que, ainda que você não execute tudo ao mesmo tempo, faça as coisas de uma forma planejada visando um resultado futuro sem compras erradas ou reformas desnecessárias. Um grande abraço e obrigada pelo post, valorizando a nossa profissão. Grande abraço!!!
www.arquitrecos.com

Simone Scharamm disse... [Responder comentário]

Muito interessante esse post! Na época do vestibular, quase optei por Arquitetura ou Desenho Industrial, mas a vida dá tantas voltas, que acabei fazendo Ciências da Computação, que não gosto nadinha,rsrs!

Ah, hoje a Flavinha Mergulhão vem aqui. Não te convidei porque sei que enfrentar a ponte ou as barcas dia de 6ª feira é coisa de "doido",rs, mas vamos agendar uma outra tarde, em dia de semana, antes do nosso "evento" para tricotarmos as três, ok?
Beijos! Ótimo fds!

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]
Este comentário foi removido pelo autor.
Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]
Este comentário foi removido pelo autor.
Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

Carla, obrigadíssima pelo seu comentário que agregou bastante ao post!!!!! Simone, a Flavinha comentou e eu adoraria ir, quero ver muitas fotos depois, hein? Mas viajo pra Penedo hj pra relaxar um pouquinho e sair da rotina, que está bem pesada com muito trabalho! Mas não estou recalmando, só preciso de dois dias tranquilos e românticos ao lado do maridão, rsrsrsrsrs!!!!! Um beijão pra todas!!!!!! Sobre a obra dos meus amigos que mencionei no início do post, se estiver pronta até o final de setembro, pode ser que eu comemore meu aniversário lá... tomara!!!!! Aí eu mostro o apê lindão pra vcs e faço umas comidinhas pra comemorar! Bjs!

Bruna do Gourmandisme disse... [Responder comentário]

Katia, que ótimo post! Esta profissão sempre me chamou atenção, vivo lendo a respeito, principalmente o segmento de interiores. Adorei! beijos e bom fim de semana!

YES we Cooking disse... [Responder comentário]

Bonfa, é isso que gosto do seu blog, tem um pouco de tudo e TUDO que tem a ver com a nossa vida, com um super capricho! Muito legal a entrevista com o overview dos bastidores de um projeto. Beijão

Day - Papel de la Musique disse... [Responder comentário]

Ótimo post! Acho importantíssimo valorizar o profissional que estudou pra isso. Muita gente quer "economizar" não contratando um arquiteto e acaba num prejuízo enorme! Sou adepta àquela lei: a César o que é de César! O arquiteto estudou para isso, então é ele o proffissional qualificado que vai nos ajudar a conseguir nosso objetivo a um preço justo e oferecer-nos um trabalho prático e estético.

Em outras profissões também acontece esse tipo de coisa! Que o diga o Designer Gráfico, hein Bonfa! As pessoas "economizam" num logotipo e acabam prejudicando a imagem da empresa como um todo. Triste.

Beijos!

Maria Tereza disse... [Responder comentário]

Bonfa que legal esse post sobre minha área!! Sou arquiteta e sempre adorei isso! Adoro os detalhes de decoração que vc coloca, sempre tudo muito lindo! É uma profissão muito bonita, e necessária, embora muita gente acredite que ter apenas o engenheiro basta... Obrigada por mostrar os lados da minha profissão!!

Depois passa lá no meu blog, Cozinha Perfumada que está tendo sorteio!!
Beijocas! Tereza

Jaqueline Umbelino disse... [Responder comentário]

Bacana falar de mim... na verdade de Arquiteto né? rsrs
Sou arquiteta há alguns meses.
E esta crescendo cada vez mais o reconhecimento a nossa profissão!!!
As pessoas estão parando de tentar fazer as coisas por conta própria tomando prejuizo e buscando profissional qualificado!.
Obrigado por deixar claro o valor de um arquiteto!
Bjinhos! =)

Silvana disse... [Responder comentário]

Olá Kátia !!
Quero parabenizar vc e a Priscila e também dizer que morei quase 30 anos em Foz do Iguaçu , terra das Cataratas , uma cidade maravilhosa .
Vou umas duas vezes por ano visitar a família .
Priscila , ficou bem especificado sobre a real função dessa maravilhosa profissão , a arquitetura!!

Beijos Silvana

Thuany Santos disse... [Responder comentário]

Adorei o post!! Vou prestar vestibular esse ano para Arquitetura (pela terceira vez..) e é muito importante que saibamos exatamente o papel do profissional antes de tomar a decisão! :) Beijos!

Jackie Freitas disse... [Responder comentário]

Oi Katia, minha querida!
Muito interessante o post e adorei as dicas! Eu e o meu marido planejamos construir a "casa dos nossos sonhos"...rsrs... e, com certeza, esse tipo de ajuda profissional será de extrema importância para o sucesso da nossa obra.
Sucessos à Priscila e um super beijo para você, minha querida Bonfa!
Jackie

Joaninha Bacana disse... [Responder comentário]

Eu adoraria ter tido um arquiteto para planejar e controlar a reforma que fizemos na nossa casa - mas aqui eles sao mega caaaaaaaaaros!!! :-( Alias, tudo é caro: tanto que o pessoal é acostumado a pôr, eles mesmos, a mao na massa (literalmente) em caso de reforma. Namorido e eu até tentamos, mas nao deu muito certo, hahaha :-D
Beijocas, Angie

Pri disse... [Responder comentário]

O que posso dizer que ninguém tenha dito..rs
Ok. Não sou arquiteta, nem moro em Foz do Iguaçu. Sou publicitária de formação, trabalho com layout de estampas em tecido em Ribeirão Preto e também sou Priscila... Medeiros!!! Que linda coincidência. Puxasaquismos à parte..rs... parabéns pra Pri aí pela pesquisa, pelo texto, pelo entusiasmo com a futura carreira. E à Kátia, sempre parabéns pelo blog, sempreeeee. Beijos.

Priscila Yamany disse... [Responder comentário]

Oi, gente!

Aqui é a Pri, a que escreveu o artigo! :D

Fiquei bem feliz com os comentários e preciso dizer que, realmente, me encantei com a profssião.

Infelizmente, a vida me fez seguir novos caminhos, mas nunca é tarde para adquirir uma profissão nova, né?

Quem sabe, no futuro, eu possa fazer parte desse universo tão bonito que se chama arquitetura.

Obrigada pela receptividade e até outra vez!

Related Posts with Thumbnails