segunda-feira, 13 de agosto de 2012

Resumão das férias na Turquia – Parte 4: um passeio de balão pela região da Capadócia

Bom, acho que eu já contei a história do voo de balão todinha através das imagens acima, rsrsrsrs!  Então vamos aos detalhes?

Sobrevoar a Capadócia em um balão não era um sonho tão antigo quanto conhecer Pamukkale. Mas, à medida que fui viajando e pesquisando sobre diferentes atrações turísticas, descobri o balonismo e, apesar de existirem diversos lugares no mundo onde é possível vivenciar a experiência, essa região de relevo exótico é considerada uma das mais interessantes a serem vistas lá de cima.

Conforme contei no post anterior, quando chegamos a Goreme fazia frio, estava chuviscando e pensamos que, depois dos ventos fortes que sopraram por todo o país na véspera, não deveríamos ficar muito animados com o passeio de balão. O gerente do hotel nos avisou logo de cara que os voos haviam sido cancelados nos dois dias anteriores e que iria nos colocar em uma lista de espera, que já estava cheia.

Eu tentei ao máximo conter minha ansiedade (ô, coisa difícil!!!!) e pensar que, se houvesse a oportunidade de fazer o passeio, seria um bônus, mas que eu não deveria contar com isso.

O gerente do hotel (Mustafa) ficou de nos dar uma resposta sobre uma possível vaga na segunda subida dos balões na véspera do passeio e, quando o encontramos à noite, ele disse que estava tudo certo. OBAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA!!!!!! Fiquei empolgadíssima, porém um pouco preocupada com as condições do tempo. Ainda não tínhamos visto um dia inteiro de sol na Capadócia e fiquei com medo de que chuvesse ou começasse a ventar novamente.

E eis que na manhã seguinte, o dia estava assim: lindo, ensolarado e o céu não tinha nenhuma nuvem!!!! Ô, querido São Pedro, obrigada, muito obrigada mais uma vez!!!!

Enquanto esperávamos pela van que nos levaria ao ponto de encontro com os outros passageiros, vimos um pequeno balão surgir no horizonte. Peguei a máquina para registrar o momento e, somente alguns segundos depois, outro balão também subiu… e depois outro, outro e mais outro, até que contássemos uns 30!!!!

Achei a cena linda e comecei a ficar emocionada. Eu nunca havia visto nada parecido!!!!! Os balões tinham padronagens e cores diferentes. Alguns, como o da foto acima, possuíam uma Logomarca ou o contato de uma agência de turismo estampada em sua lona.

Enquanto admirávamos os pontinhos coloridos no céu, nossa van chegou e nos levou ao restaurante onde tomamos o café da manhã. Eu não quis comer muito porque fiquei com medo de sentir algum enjoo e porque estava bastante ansiosa também. Meu prato consistiu de charutinhos de queijo (Sigara Böreği) e uma fatia de queijo branco bem salgado. Os organizadores nos dividiram em grupos e nos deram uma folha com informações técnicas sobre o balão, o nome do nosso piloto e instruções sobre como proceder na decolagem e aterrissagem.

Tanto eu quanto o Marcelo pensávamos que sentiríamos um friozinho na espinha ao decolarmos e quando nos aproximamos do balão, comecei a ficar um pouco nervosa.

Nosso piloto se chamava Yaşar, era bastante simpático e até fez uma piadinha, dizendo que seu balão se chamava Titanic… ui!

Eu relaxei imediatamente quando o balão começou a subir porque seu movimento era tão suave… nem parecia que estávamos voando. A sensação era a de que estávamos flutuando!!!! Foi delicioso e, para minha total surpresa, não senti medo NENHUM!!!!

Gente, não rolou nem um pequeno friozinho na espinha… nada, nada, nada!!!!

Foi delicioso ver a Capadócia lá de cima!!!! Nos apaixonamos ainda mais por esse lugar e o Marcelo falava sobre voltar algum dia pra explorar outras atrações por conta própria. Ficamos encantados com essa visão única!!!!

O piloto nos disse que o trabalho dele era fazer o balão subir e descer, mas era o vento que controlava a direção do veículo. Essa foi a maior novidade pra mim!!!! Eu não tinha noção de que era assim, mas pude confirmar a informação no dia seguinte, quando acordamos com um balão quase em frente à janela do nosso quarto de hotel. Provavelmente o vento os estava empurrando naquela direção, o que não aconteceu na véspera.

O relevo em forma de suspiro parecia ainda mais com suspiro visto de cima!!!!

E houve um momento em que a gente subiu mais alto…

… e mais alto…

… e mais alto…

… e mais alto…

… até chegar aqui!!!! Lembrei das paisagens que a gente vê através da janelinha do avião, mas eu estava ao ar livre e foi muito mais legal!!!! E, garanto a vocês: realmente não tive medo nenhum!!!! Só quando o piloto acionava a chama pra fazer o balão ganhar altura é que dava um nervosinho porque a gente via a explosão e sentia o calor do fogo acima das nossas cabeças, mas isso é normal. É desse jeito que a coisa funciona.

De repente, tudo lá embaixo ficou tão pequenininho que nem parecia real… era como se eu estivesse em terra firme vendo um filme. Foi muito interessante e fiquei surpresa com a minha reação de calma e tranquilidade.

Apesar de ter sofrido durante muitos anos com medo de avião, hoje em dia sei que meu incômodo era somente a turbulência, aliado ao fato de que sofri uma experiência muito desagradável em 1998, durante um voo Londres-Rio, no qual desgrudei do assento e, se não fosse o cinto de segurança que mantenho sempre afivelado, eu teria batido a cabeça com força no teto da aeronave. Felizmente, viajei bastante depois desse episódio e nunca mais aconteceu nada parecido, o que me ensinou que essa situação é bem menos comum do que eu imaginava na época.

Fiz os registros acima pegando parte da cesta do balão, para vocês terem uma ideia da sensação de estar a muitos metros do chão dentro de um compartimento pequeno e apertadinho.

Não sei se acontece turbulência durante os voos de balão, mas o nosso foi muito suave. E reparem na nossa sombra lá embaixo!!!!

Vimos alguns curiosos desenhos à distância e resolvi dar um zoom para capturá-los.

Foi um pouco difícil registrar nossa presença dentro do balão porque não havia muito espaço para se distanciar e fotografar, mas conseguimos algumas imagens interessantes, como as das fotos acima.

Nesse momento, estávamos nos preparando para pousar e a sombra do balão ficava cada vez maior.

Depois de uma hora de voo, o piloto nos informou que era hora de guardarmos as câmeras e nos posicionarmos para a aterrissagem.

Precisamos nos agachar e segurar uma corda presa na cesta com as duas mãos, sendo que no papel contendo as instruções de voo  que recebemos, dava a impressão de que a cesta tombaria lateralmente, mas não foi o que aconteceu. Sentimos um pequeno “tranco” e foi só isso.

Enquanto descíamos, o piloto se comunicava com o pessoal de terra informando nossa posição e eles vieram rapidamente ajudar a estabilizar o pouso do balão, além de trazerem um pequeno lanche e uma garrafa de champagne para celebrarmos a experiência!!!!

Aproveitei para tirar uma foto com o simpático Yaşar, mas tive que entrar na fila porque todo mundo queria registrar o momento ao lado do piloto.

Ao fim do voo, brindamos à nossa aventura com champagne misturado a um suco de cereja deliciosamente azedinho, ganhamos um certificado com nossos nomes e ficamos muito gratos e felizes!!!!

Quando terminamos nossas taças, o Marcelo foi dar uma volta nos arredores e apareceu com a rolha nas mãos. Achei o máximo ele ter “capturado” o souvenir mais importante da nossa viagem, conforme mencionei no post sobre as comprinhas que fizemos na Rússia, Turquia e Grécia.

Em seguida, caminhamos até o ponto em que a van nos aguardava para que nos levasse de volta ao hotel.

Quando chegamos ao ARCH PALACE, o simpático Mustafa sugeriu que tomássemos o café da manhã antes de iniciarmos o tour vermelho e, apesar de não estar com muita fome, eu aceitei porque adorei a pastinha de pimentão vermelho bem apimentada, o queijo branco bem salgadinho e o pão quentinho e macio que o hotel oferecia aos hóspedes. A salada de frutas também era suculenta e elegemos o lugar como a nossa melhor hospedagem em toda a viagem de férias. Bom, vale lembrar que somos turistas mochileiros que escolhem hotéis BBL: Baratos e Bem Localizados!!!!

Antes de começar a escrever esse post, fui rever a participação da Fê Costta na seção Bonfa Convida em 9 de julho de 2010. Ela relatou a mesma experiência pela qual passei e foi interessante perceber como nossas impressões foram parecidas!!!! A diferença é que ela voou na primeira subida dos balões, considerada a mais bonita porque é possível presenciar o nascer do sol. Pelas fotos do seu post, percebi que a passou por lugares diferentes e viu mais chaminés de fada do que a gente, o que deve ter acontecido por causa do vento. Confesso que quando publiquei seu relato, eu não imaginava que realizaria meu sonho pouco menos de dois anos depois. Concordo com a que seu eu precisasse resumir a esperiência em uma única palavra, esta seria INESQUECÍVEL!!!!!

O Marcelo escreveu o seguinte em seu relato no www.mochileiros.com:

“O balão decolou umas 7:30, o voo levou uma hora. O piloto transmitia segurança. Fomos quase ao solo, fomos bem alto. Quem leva é o vento, o piloto só faz subir e descer – assim ele nos disse. Achei o passeio de balão a maior paz. Havia pouca gente (era um balão para 10 passageiros), as pessoas falavam baixo (ou eu não ouvia), curtiam, admiravam (e, claro, fotografavam). Uma hora inteira de paz, leveza e extrema beleza, é a minha lembrança. Experiência única, emocionante.”

E isso é tudo, pessoal! Termino esse relato desejando que um dia seus sonhos se tornem realidade e, penso que quanto mais sonhos vocês tiverem, há mais chances de alguns deles se concretizarem, não é verdade???? Por isso, eu tenho vários, rsrsrs!!!!

Até o próximo post sobre esse país pelo qual me apaixonei e senti uma ligação profunda!!!!! Minha mãe, que é loura de olhos verdes, sempre conta que a enfermeira que me entregou em seus braços logo que nasci, perguntou de cara: “O pai da menina é turco? Que cara de turca ela tem!”.

Um grande beijo!!!!

Bonfa-ass

36 comentários:

Ninha disse... [Responder comentário]

Nossa, que fotos maravilhosas!
Não sei se teria coragem, pois morro de medo de altura, me dá uma aflição incontrolável.
Realmente é muito bom realizar sonhos e o seu foi do tipo era uma vez num mundo distante.
Parabéns pelo blog!
Tenha uma ótima semana e cheia de sonhos.

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@NinhaOi, Ninha! Muito obrigada pelo comentário carinhoso, pelo elogio e pelas boas energias! Desejo o mesmo pra você!!!!!! Um grande beijo e ótima semana!

Maquiagem Definitiva disse... [Responder comentário]

Que lindo passeio Bonfa!!!
Me emocionei com seu relato, com as fotos foi como se estivesse vivendo esta emoção através do seu relato.
Foi lindo!!!
E poder realizar nossos sonhos é muito bom...
ADOREI.

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@Maquiagem DefinitivaPuxa, que legal seu comentário! Fico feliz de ter passado essa emoção através do relato! Realmente foi uma experiência única que vou lembrar pra vida toda!!!!! Um grande beijo com votos de que vc também realize muitos sonhos!

Adriane Pinhate disse... [Responder comentário]

Que frio na barriga só de ver as fotos! Mas o relato do Marcelo no final do post me deixou também contemplativa de tanta beleza!

Maneiríssimo!!!
Bjs

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@Adriane PinhateAdri, realmente não é uma passeio recomendável pra quem tem medo de altura, rsrsrs! Eu não sabia que o balão subiria tanto! Mas, realmente, a vista lá de cima é sensacional e a sensação de liberdade é incrível! Eu queria experimentar fazer um voo panorâmico de helicóptero também, mas acho que teria medo... O balão fez um voo muito suave, imagino que helicóptero seja bem diferente! Beijão!

Dani Hoffmam disse... [Responder comentário]

Fiquei aqui me imaginando um dia voando de balão!
Deve ser uma delicia e realmente uma experiencia unica e inesquecivel. Babei!!!

Bjos,
Dani

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@Dani HoffmamDani, foi uma delícia mesmo e o céu azul colaborou muito!!! Fica tudo mais bonito com sol, né? Um beijão!

Unknown disse... [Responder comentário]

Oi Bonfa!
Parabéns pelo post, pela viagem e pelo sonho realizado.
Compartilho o mesmo sonho. Não viajar de balão pela Capadócia, mas simplesmente viajar de balão algum dia!!
Adorei seu relato e a emoção transmitida a partir dele.
Que venha mais sonhos a serem concretizados!!
Um cheiro,
Gabi

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@UnknownQue legal, Gabi! Sei que no estado de São Paulo tem voos de balão. Não cheguei a pesquisar sobre essa atividade no Brasil, mas sei que existe aqui também! Te dou a maior força, a sensação é sublime! Bjs!

Veronica Kraemer disse... [Responder comentário]

Ká amada, fiquei emocionada, chorei, que coisa mais linda!!!
Me senti lá contigo!!!
Que imagens lindas, Ká! Você sabe que este é um de meus sonhos,que um dia realizarei!
Obrigada por este post lindo!
Ká, ontem minha tia falou de seu blog no almoço, ela ama muito, e eu fiquei super feliz!
Te adoroooooooooooooooo
Beijossssssssss
Vero

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@Veronica KraemerQue bom, Vero! É uma delícia despertar essas emoções! Agora fiquei emocionada de novo!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! Te dou a maior força pra fazer esse passeio, vc vai amar!!!! E que legal que a sua tia conhece o blog! Puxa, vc diz que eu mandei um beijão pra ela???? Estou ansiosa pro nosso reencontro em outubro! Vou te dar um mega abraço! Um grande beijo!

Déa Prado disse... [Responder comentário]

Um dos meus sonhos mais acalantados...
Um dia....
Beijos,
Déa Prado.

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@Déa PradoDéa, acredito que sonhar não custa nada e ainda atrai boas energias!!!!!! Bons sonhos pra vc!!!! Um grande beijo!

Gina disse... [Responder comentário]

Kátia,
Não tenho problema algum com altura. Voaria de balão ou de helicóptero numa boa. Deve ser realmente emocionante.
Boa semana!

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@Gina Gina, eu estou louca pra repetir a experiência em algum lugar diferente!!!! Tenho a impressão de que o helicóptero balança muito e por isso eu fico com receio, mas eu voaria de balão mil vezes, rsrsrs! Beijos!

Georgia disse... [Responder comentário]

Katia, acabamos de chegar da Turquia, mas nao fomos para esta regiao que vcs foram. Fomos para Side, cidade onde Cleopatra tomava os seus banhos turcos e fazia o seu SPA.

Vc poderia nos informar qto custou a subida no balao?

Acho que seria interessante saber mais ou menos o preco.

Achei emocionante o teu relato e deu pra ver que realmente a tua experiencia foi inesquecivel.

Ainda nem desarrumei as malas por isso ainda vou levar alguns dias para postar na Saia alguma coisa sobre as nossas ferias.

Menina, esse queijo é terrívelmente salgado, ahahahha, mas eu o comi todos os dias para dar uma levantada na pressao, pois tivemos muitos dias de 40 à 42 graus.

Um bjao

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@Georgia Oi, georgia!

Ah, depois quero saber tudo sobre a sua viagem, vc me avisa quando postar? Fiquei curiosíssima sobre essa região onde esteve!!!! O voo custou 160 euros por pessoa, o preço é alto, mas vale cada centavo! É aquele tipo de gasto que eu não me importo em ter porque coisas materiais se deterioram, mas essa experiência vai ficar pra sempre na memória!!!!!

Um grande beijo!

Unknown disse... [Responder comentário]

Lindo e emocionante a realização de seus sonhos !!!!!Certamente eu voaria, pois não tenho problemas com altura. Talvez num futuro próximo.....Que o senhor abençõe voces cada vez mais!!! Um beijão! Célia.

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@UnknownAmém, Célia! Realizar um sonho não tem preço, é bom demais e me sinto muito agradecida por ter tido essa oportunidade! Um grande beijo e obrigada pelo carinho!

Taia Assunção disse... [Responder comentário]

Rsrsrsrs...marido tem cara de indiano. Estávamos programando essa viagem para julho, mas não deu certo. Tivemos dificuldade com o translado de um lugar para o outro, mesmo tendo informação de que é tranquilo andar de trem, preferimos deixar para outra oportunidade. Nosso projeto era: Istambul, Pamukkale, Capadódia e Oludeniz. Vai ficar para uma próxima. Nossa experiência com balão foi no Serengueti, na Tanzânia. Realmente uma paz! Bem, sendo assim, economizamos o suficiente para dar entrada noutra casinha na BA, para alugar (somos cinco, né) e conhecemos Trancoso, Maraú, Ilhéus, Itacaré, Arraial D'ajuda e Porto Seguro...foi legal! Temos sempre que ver o lado bom, mas uma hora dessas, ainda irei conhecer Pamukkale e a Capadócia. Beijocas e parabéns pela viagem.

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@Taia AssunçãoTaia, deve ter sido lindo seu voo de balão! Dá vontade de conhecer vários outros lugares lá de cima, né? Ah, não deu pra ir agora, mas vcs fizeram um passeio lindo pelo Brasil! E vcs terão outras oportunidades de conhecer a Turquia, afinal, vc está mais perto do que eu, rsrsrs!

Um beijo enorme!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Unknown disse... [Responder comentário]

Kátia, que post lindo e emocionante! Sempre tive o sonho de voar em um balão e, lendo esse post, a vontade aumentou ainda mais! Ah, adoro todas as suas fotos das viagens! Qual câmera você usa? Acho estranho quando encontro alguém que viaja e diz que não se liga muito em fotografias... Para mim, é uma parte essencial da viagem! Tanto que uns amigos de outras nacionalidades que fiz no meu intercâmbio me apelidaram de "japa brasileira", de tanto que eu tirava fotos! rsrsrs A Turquia entrou com certeza na minha listinha de próximos destinos! Um beijo! Brenda

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@UnknownBrenda, que divertido seu comentário!!!!!! Também amo fotografar minhas aventuras, são os melhores souvenirs da viagem!!!! Meus pais também me chamam de "a nossa japinha" por causa das milhares de foto que eu tiro, rsrsrs! Minha câmera é uma Sony H70, normalzinha, não tem nada de mais. Eu ajusto sempre o contraste, brilho e nitidez antes de publicar as imagens. Um beijão! Vc é muito simpática!!!!

Gislaine Cunha disse... [Responder comentário]

Também me emocionei com sua aventura no balão!!
Quando era menina li um livro As Aventuras de Tom Sawyer no Estrangeiro e fiquei maravilhada com as aventuras do menino em um balão.
Desde então sonho em viver algo parecido, mas sem muita aventura, (pois a última vez que falei que viveria uma aventura, fiz uma viajei de uma noite muito louca em BH -depois de conto- tudo pra ver uma banda que amo).
Enfim, suas viagens mais uma fez me encantando. Amo suas postagens!
Abraço ♥♥♥

Gislaine Cunha disse... [Responder comentário]

Também me emocionei com sua aventura no balão!!
Quando era menina li um livro As Aventuras de Tom Sawyer no Estrangeiro e fiquei maravilhada com as aventuras do menino em um balão.
Desde então sonho em viver algo parecido, mas sem muita aventura, (pois a última vez que falei que viveria uma aventura, fiz uma viajei de uma noite muito louca em BH -depois de conto- tudo pra ver uma banda que amo).
Enfim, suas viagens mais uma fez me encantando. Amo suas postagens!
Abraço ♥♥♥

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@Gislaine Cunha Oi, Gi! POis é, eu tinha medo do balão balançar muito e achei ótimo a viagem ter sido calma! Foi uma experiência emocionante, mas sem a adrenalina que deve ser voar de asa delta, eu imagino!!!! Ih, depois quero saber dessa história, rsrsrs! um grande beijo!

Marta disse... [Responder comentário]

Katita.. que imagens magníficas!! Valem mais que mil palavras.. cada uma mais espetacular que a outra!! Que passeio lindo!
Beijos

Casar é assim... disse... [Responder comentário]

Estou a semana inteira tentando vir aqui comentar esse post mas a correria desses dias não deixou...hoje consegui!! rsrs..

Que linda a foto do céu azulzinho com um balãozinho só e depois a com váriosss....coisa linda, gente =)

Se pelas fotos os relevos parecem suspiros mesmo imagine lá, ao vivo?? rsrs...

E o balão voa alto mesmo, não sei se eu ficaria tranquilinha não..rsrs...

Vcs tiveram muita sorte com o dia e as fotos ficaram maravilhosas mesmo...lembranças de um passeio especial, né??

Ahh, tbm tenho váriosss sonhos e são eles que nos fazem acordar todos os dias pra "pegar na inchada"!! kkkk...

beijinhos!!!

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@MartaMartinha, esse passeio foi lindo mesmo! Acho que vc tem razão, eu nem precisava ter escrito nada, as imagens já revelam tudo! Bjs!

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@Casar é assim...Gábi, sua última frase é ótima! Também sou assim, quando a gente pára de sonhar, pára de viver, eu acho! Também são meus sonhos que me impulsionam!!!!! Ah, vc falou justamente sobre um dos momentos mais emocionantes: quando, de repente, o céu ficou cheio de balões que iam subindo um a uma... foi lindo demais!!!! Um beijo enorme!

decoreideias disse... [Responder comentário]

Que passeio maravilhoso! eu encontrei seu blog sem querer e quando vi o post parei para ler pq eu piro em passeio de balão e na Turquia então é meu sonho, espero realiza-lo algum dia =) beijos Ka

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@decoreideiasQue bom que gostou do post, pelo jeito temos sonhos parecidos, rsrsrs! Algumas vezes a vida nos surpreende com algo que parece ruim a princípio, mas depois se revela uma coisa boa... Meu sonho virou realidade bem antes do que eu imaginava e foi depois de uma época conturbada. Hoje em dia, só tenho a agradecer o caminho que me levou até o cesto desse balão!!!!! Um dia seu sonho vai se realizar também!!!!! Um grande beijo!

Milena disse... [Responder comentário]

Bonfa só consegui vir aqui hj para ler o relato e estou encantada!
Confesso que em algumas imagens tive até um pouco de medo,eu morro de medo de altura,não gosto nem se subri em passarela,Freud explica,rs!!!
Mas que coisa emocionante!!!Emocionante de adrenalina e de emocionar o coração mesmo!!

E como é bom realizar sonhos,não é?
Eu,apesar de ter medo de altura,tenho loucura para fazer um vôo de helicóptero pelo Rio,quem sabe tomo coragem?bjs

Taís disse... [Responder comentário]

Linda viajem, fiquei com as mãos suando só em ver as fotos (morro de medo de altura), foi como se eu estivesse junto, no balão, de tão "reais". Bjs

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@TaísOi, Tais! Que bom que gostou do post!!!! Não tenho medo de altura, mas quero muito voar de helicóptero algum dia, mas também fico com as mãos sunado só de pensar nisso... espero ter coragem de encarar essa aventura! Um beijão!

Related Posts with Thumbnails