segunda-feira, 29 de julho de 2013

Um final de semana em Palmas,TO: belas cachoeiras e deliciosas praias fluviais no estado mais novo do Brasil

Marcelo se esbaldando na Cachoeira Escorrega Macaco
A deliciosa praia da Ilha Canela

Fim de tarde na Ilha Canela

Cachoeira do Evilson

Capivaras tirando um cochilo no Parque Cesamar

Ponte da Amizade e da Integração (ou Ponte FHC)

Palácio Araguaia

Prato com iscas de tucunaré, o peixe local

Bom dia, pessoal!!!! Vou começar esse post com um trecho do ótimo relato do Marcelo que me fez escolher Palmas como tema de hoje.

“Passar um fim de semana de lazer em Palmas, conhecer a cidade? Deve ser coisa rara. Geralmente Palmas é ponto de passagem para quem vai ao Jalapão. Como nosso horizonte para conhecer lugares pelo Brasil tem sido em fins de semana, não dava para ir ao Jalapão, seria muito pouco tempo. Optamos por conhecer Palmas mesmo. Todos os que souberam que iríamos a Palmas sacaram a mesma pergunta: “O que tem lá?” E demos a mesma resposta: “Não sei, vamos lá conhecer”. Claro, também não era tanto assim, sabíamos o que ver em Palmas”.

Embora eu saiba que cidades mais badaladas atraem um número maior de leitores e são úteis para mais gente, adoro escrever posts sobre destinos menos turísticos e desconhecidos da maioria dos brasileiros. No passado, tive muita dificuldade em encontrar relatos sobre alguns lugares que eu gostaria de visitar e por isso acho interessante dar destaque a cidades fora do circuitão. Quando o Marcelo comentou que havia pouquíssimos relatos sobre Palmas na internet, resolvi na mesma hora que esse seria meu próximo post de viagem!

Nossa ida foi meio problemática. O voo já estava atrasado na sexta-feira à noite quando um senhor passou mal e tivemos que retornar ao portão de embarque a fim de que os paramédicos retirassem o passageiro do avião. Quando o comandante anunciou que precisávamos voltar, outro passageiro inconformado começou a reclamar com o comissário que achava um absurdo a gente ter que esperar o paciente ser atendido, já que o voo estava atrasado. Como assim????? Eu fiquei pasma quando ouvi aquilo: quanta falta de solidariedade!!!!! Ele achava que o avião deveria seguir viagem ignorando o bem estar do senhor que estava à beira de um desmaio? E se fosse com ele? Com o pai dele? Com o filho dele? Felizmente, logo depois do ataque de “piti”, o rapaz se calou e permaneceu assim. Talvez tenha se dado conta da besteira que disse.

O voo atrasou mais de uma hora e, quando chegou a Brasília, nos comunicaram que perdemos a conexão. O próximo voo para Palmas só sairia no dia seguinte pela manhã e fomos instalados em um hotel onde passamos a noite.

Pousada dos Girassóis em Palmas

Chegamos na Pousada dos Girassóis em Palmas depois do meio dia, deixamos as mochilas no quarto e saímos para conhecer a Praça dos Girassois, a segunda maior praça pública do mundo com uma área de aproximadamente 570 mil m².

Monumento aos 18 do Forte

O lugar é realmente enorme e tem muitos espaços ainda pouco utilizados. A Praça dos Girassóis é o principal ponto turístico de Palmas, concentrando os prédios-sede de todos os três poderes públicos estaduais, sendo eles o Palácio Araguaia e as secretarias estaduais, a Assembleia Legislativa do Estado do Tocantins e o Tribunal de Justiça do Estado do Tocantins. Além destes prédios públicos, a praça também abriga o Memorial Coluna Prestes, a Catedral Metropolitana de Palmas e diversos monumentos.*

Passamos primeiro pelo Monumento aos 18 do Forte, depois seguimos para o Memorial Coluna Prestes.

Memorial Coluna Prestes

Projetado por Oscar Niemeyer, o local é um ponto de encontro cultural em Palmas. Possui salão de exposições, auditório e salas de vídeo. Segundo o arquiteto, Luis Carlos Prestes foi “o mais importante exemplo de coragem, coerência e patriotismo legados ao Brasil e à sua juventude”. O Memorial Coluna Prestes é uma homenagem à marcha da Coluna Prestes pelo interior do Brasil.*

Fizemos uma visita rápida porque o salão de exposições é pequeno e continha somente fotos e documentos relacionados à vida de Prestes. Gostamos mais do visual externo e do traço arquitetônico característico do Niemeyer.

Continuando nossa incursão pela Praça dos Girassóis, seguimos para os fundos do Palácio Araguaia, onde há um jardim com lago artificial bem bacana. Estava muito quente esse dia e ouvir o barulhinho da água descendo da cascata deu um certo alívio, rs!

Jardim do Palácio Araguaia

O Palácio Araguaia foi inaugurado em 1991 e é a sede do governo do Tocantins. A construção é um marco de onde foram projetadas ruas e avenidas da capital. Imponente, é o centro do plano diretor e ocupa uma área útil de 14 mil m², com quatro pavimentos, sendo um subsolo. Seus arcos são uma referência histórica à Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos, em Natividade.*

Detalhes da fachada do Palácio Araguaia

Nas frisas compostas por 144 placas de fibras de vidro em alto relevo produzidas pelo artista Mauricio Bentes, é contada a história do Tocantins desde o período geológico à missa  de implantação da capital.*

Infelizmente, o Palácio estava fechado para visitação e ficamos apreciando somente a fachada. Foi uma pena porque o interior da construção parece ser bem interessante.

Extensa área livre em frente ao Palácio Araguaia

Monumento à Súplica dos Pioneiros

Caminhando mais um pouco, encontramos o Monumento à Bíblia, tido como o marco do centro geodésico do Brasil. Mais adiante há outras obras relacionadas à criação do Estado do Tocantins como o Monumento à Súplica dos Pioneiros, o ponto onde foi lançada a pedra fundamental e celebrada a primeira missa da cidade. Há outros prédios de interesse histórico e um relógio de sol que só vimos de longe.

Marco de onde começou a construção do Estado do Tocantins

Depois de explorarmos boa parte da praça, seguimos para a Ponte da Amizade e da Integração (ou Ponte Fernando Henrique Cardoso), um dos cartões postais de Palmas.

Ponte da Amizade e da Integração (ou Ponte FHC)

Esse símbolo arquitetônico da cidade liga a capital tocantinense à vizinha Paraíso do Tocantins. A travessia sobre o Lago de Palmas tem 8 km de extensão e a ponte pouco mais de 1 km.*

Cruzamos a ponte, voltamos e paramos na Praia da Graciosa, de onde saem os barcos para a Ilha Canela.

Adorei a ideia de alugar um flutuante para fazer uma festa! Quando chegamos no pier, vimos muitos barcos desse tipo. Eles possuem uma estrutura interessante, incluindo bar e até churrasqueira.

Flutuantes no Rio Tocantins

Segundo a minha pesquisa, “A Praia da Graciosa é uma das maiores estruturas de praia fluvial do Brasil. Ela oferece ao turista barracas comerciais, restaurantes, bares, banheiros, agências bancárias, postos telefônicos, farmácias, parques infantis, biblioteca, quadras de esportes, pista de motocross, marina com atracadouros, área de camping ecológico e shows nacionais e regionais, além de posto policial, posto de informações turísticas, posto de saúde e unidade do Corpo de Bombeiros".*

Foi assim que descobri que só conhecemos um pequeno pedaço da praia (foto acima), que não nos cativou. Não exploramos muito o local e seguimos direto para a Ilha Canela, que nos foi bastante recomendada e não decepcionou.

Pagamos 12 reais por pessoa pelo transporte de ida e volta à Ilha Canela em um barco simples. O trajeto durou uns dez minutos.

Gostei do lugar assim que chegamos! Avistamos alguns quiosques bem grandes que serviam desde petiscos a pratos completos e várias barraquinhas charmosas onde pudemos relaxar e curtir o momento.

Tinha muito pouca gente por lá. A pequena ilha tem areia de praia, coqueiros e água morninha, perfeita pra quem não entra nas praias cariocas com medo das ondas fortes e das temperaturas baixas, rs!

Paz e tranquilidade era tudo o que eu precisava naquele fim de semana!

Chegamos na Ilha Canela por volta das 15:30h e lá permanecemos até a saída dos últimos barcos às 17:30h. Apesar do horário, estranhei que o lugar estivesse tão vazio. Mas depois pensei que o valor do transporte e os preços mais altos dos quiosques/restaurantes da ilha talvez afastem alguns banhistas.

Escolhemos um lugar bem aconchegante para deixar as nossas coisas e relaxar tomando algumas cervejas bem geladinhas. O rapaz do quiosque deixou uma caixa de isopor com várias latinhas na nossa mesa e só pagamos as bebidas que consumimos.

As praias fluviais em Palmas já sofreram com muitos ataques de piranhas (a hidrelétrica desequilibrou o ecossistema e ainda se come muito tucunaré, que é o predador natural da piranha).* É por isso que o pedaço reservado aos banhistas possui uma rede de proteção – aliás, isso existe em todas as praias de lá. Eu me senti segura, mas parece que ainda há relatos de alguns ataques. Mesmo assim, havia um grupo de bombeiros treinando nado desde a Ilha Canela até a Graciosa fora da rede de proteção. Segundo um morador local, as piranhas não gostam dos bombeiros, rs!

Na hora marcada, recolhemos nossas coisas, pagamos a conta e nos dirigimos ao ponto onde pegamos o barco de volta à Praia da Graciosa.

Voltando da Ilha Canela

Sobre a foto acima, vou copiar um trecho do relato do Marcelo:

“Numa cidade com tanto espaço para crescer, com tanto terreno vazio, achei esquisito ver alguns espigões. Pode ser pra ter vista do rio, ou do lago do Parque Cesamar, não sei. Mas achei estranho ter um crescimento vertical onde há tanto espaço vazio horizontal”.

Eu que fui criada em uma casa espaçosa durante a maior parte da minha vida, também achei isso estranho. Moro em apartamento há 8 anos, mas se eu pudesse escolher (e comprar, rs), preferiria ter uma casa.

Depois de assistir ao pôr do sol na Praia da Graciosa, seguimos para o Parque Cesamar. A atração foi fundada em 1998, possui vegetação típica do cerrado, um lago formado pelas águas do córrego Brejo Comprido, áreas para descanso, playground, pista para caminhadas e uma trilha ecológica com 2 km de extensão.* Como estava escurecendo, só demos uma passadinha por lá e retornamos à pousada para tomar um banho refrescante e nos prepararmos para o jantar.

Decidimos comer na Cabana do Lago e ficamos super satisfeitos com nossa escolha. Pedimos carne de sol de picanha com baião de dois, arroz, feijão verde, paçoca, purê de mandioca, banana à milanesa, mandioca cozida, alho frito e manteiga de garrafa. Estava tudo delicioso! Acho que já comentei que minha culinária regional preferida é a nordestina, né? A gente queria provar tucunaré, o prato típico local, mas estávamos com fome (a gente só toma café e janta quando viaja) e preferimos não arriscar.

Detalhe do meu prato bem farto e suculento!

No domingo acordamos cedo para o café e saímos em direção a Taquaruçu, um distrito da cidade que abriga belas cachoeiras. Fomos direto para a maior delas, a Cachoeira da Roncadeira. Paga-se 7 reais para entrar na trilha e, no bar da foto acima, é possível comprar água, sucos, refrigerantes e alguma coisa para beliscar.

A trilha começa com uma escadaria íngreme, mas depois é praticamente tudo plano e de fácil acesso.

Marcelo no meio do caminho até a Cachoeira da Roncadeira

Cachoeira Escorrega Macaco

Antes de chegarmos à Roncadeira, demos um pulinho na Cachoeira Escorrega Macaco, que tem 50 metros de altura.

Sinalização na trilha
Cachoeira da Roncadeira

A Cachoeira da Roncadeira tem 70 metros de altura e é muito procurada pelos praticantes de rapel que encaram uma assustadora descida em rapel negativo, técnica em que não há ponto de apoio entre o esportista e a parede utilizada para a prática do esporte.*

A queda d’água é bem bonita e impressiona por sua extensão. O Marcelo sempre entra nas cachoeiras, mas eu não consigo mergulhar em águas frias. Então fiquei só observando e fotografando.

De lá, seguimos para a Cachoeira do Evilson. Há algumas placas meio confusas no caminho, mas conseguimos chegar. Paga-se 5 reais pra entrar e descobri que quem administra o local é o próprio Evilson, um cara simples e discreto que é dono da cachoeira.

Pesquisando sobre Palmas e arredores, encontrei um texto bem legal sobre a Cachoeira do Evilson de autoria do jornalista Eduardo Vessoni, que copio aqui:

“Tem gente que se orgulha da TV de plasma pendurada na parede da sala, do computador com capacidade imensa de armazenamento e de todos os outros eletrônicos moderninhos com tecnologia de ponta. Mas o jardim da casa de Evilson Machado da Fonseca tem um bem que loja nenhuma seria capaz de oferecer: uma cachoeira de 21 metros de altura, localizada em Taquaruçu, próximo a Palmas, a capital do Tocantins”.*

Amei esse texto!!!!! É bem o que penso sobre viagens x bens de consumo. Objetos e bens materiais quebram, estragam, envelhecem e ficam obsoletos, mas as memórias que a gente constrói durante viagens duram pra sempre! E imaginem ter uma cachoeira linda no quintal de casa? Não tem preço!

E o texto continua:

“Na Cachoeira do Evilson, um dos principais atrativos da região, a geografia local abriga ecossistemas variados que incluem vegetação rasteira do cerrado, solo seco da caatinga do nordeste e até mesmo árvores gigantes amazônicas com mais de 300 anos de existência. Tudo isso após um pequeno trekking de dez minutos, de nível fácil, bem no quintal de casa. No local, é possível nadar no poço que se forma aos pés da cachoeira e praticar rapel no paredão úmido que desce paralelo à cachoeira”.*

Mesmo na época seca, a Cachoeira do Evilson tinha um volume maior de água do que as que conhecemos anteriormente. O lugar é realmente muito bonito e ainda conta com uma razoável infraestrutura para churrasco e piquenique. Quando estávamos voltando, encontramos algumas famílias na trilha carregando sacolas com comes & bebes. O Evilson tem um pequeno comércio no qual vende lanches e bebidas na entrada da atração.

Retornamos para Palmas no fim da manhã e voltamos ao Parque Cesamar, dessa vez para fazer o passeio completo pela pista que circunda o lago. Não havia ninguém por lá nesse dia super quente às 13h. Comentei com o Marcelo que deviam estar todos na praia, para onde fomos em seguida.

Mas antes disso, avistei algo se mexendo atrás de uma árvore e quando cheguei perto, notei que era uma capivara. Adoro capivaras!!!!

Os bichinhos fofos estavam se refrescando no lago bem quietinhos. Às vezes ficam tão imóveis que mais parecem estátuas, rs!

Gostei da estrutura da Praia do Prata logo de cara! Já estive em muitas praias brasileiras lindas, mas confesso que não consigo permanecer muito tempo em um lugar que não tenha um quiosque com petiscos e cervejinha gelada, rs!

A Praia do Prata fica na região sudoeste da capital, possui uma área total de 47.133 m² e é considerada a preferida dos visitantes e também dos moradores de Palmas.

A praia estava cheia, mas conseguimos encontrar um lugar legal para sentar e beliscar alguma coisa. Adorei essas tendas brancas que ficam dentro da água morninha… que delícia!

O que mais me chamou a atenção nessa praia foram as camas elásticas montadas dentro da água. As crianças se divertiam muito e fiquei imaginando meus sobrinhos brincando nelas!

Lindo dia de sol na Praia do Prata

Foi um momento relaxante e curtimos bastante o finalzinho da viagem tomando sol sem pensar que dali a poucas horas estaríamos dentro do voo de volta ao Rio.

A gente nem estava com muita fome, mas provar o peixe típico local era uma questão de honra, rs! Então pedimos uma isca de tucunaré para beliscar e o atendente do quiosque trouxe uma porção enorme. Infelizmente, o belisquete não nos agradou. Bom, o Marcelo não gosta de peixe, mas topa experimentar praticamente qualquer coisa. Eu me incomodei muito com as espinhas e não achei o peixe saboroso.

E assim terminou mais uma aventura de fim de semana pelo Brasil!

Como alguns de vocês já sabem, há mais ou menos dois anos, eu e o Marcelo decidimos conhecer o Brasil nos fins de semana e temos viajado praticamente a cada 15 dias por todas as regiões do país. Infelizmente, não consigo escrever esses relatos logo após retornarmos das viagens, o que eu adoraria poder fazer.

Sendo assim, eu gostaria de propôr a vocês uma brincadeira interativa!!!! Entre os lugares listados a seguir, quais os que vocês mais gostariam de ver no próximo post de viagem nacional?

Penedo e Piaçabuçu, AL
Natal, RN
Recife, Olinda e Cabo de Santo Agostinho, PE
São Luís, MA
Lençóis Maranhenses, MA
Balneário Camboriú e Bombinhas, SC
Blumenau, SC
São Francisco do Sul, SC
Urubici, SC
Bento Gonçalves, RS
Garibaldi, RS
São Francisco de Paula, RS
Nova Petrópolis, RS
São Paulo, SP
Ubatuba, SP
Petrópolis, RJ (Festa do Colono Alemão)
Serra do Cipó, MG
Vitória, Vila Velha e Guarapari, ES

Vocês podem responder essa pergunta aqui mesmo no formulário de comentários, mas o que vai valer é a soma dos votos na enquete que coloquei na lateral direita do blog, logo abaixo do cabeçalho, OK? A enquete ficará ali a partir de hoje até o dia 12 de agosto.

Para ver outros destinos de viagem que já ganharam um relato, basta clicar no seguinte link:

http://casosecoisasdabonfa.blogspot.com.br/p/viagens-da-bonfa.html

Um grande beijo pra todos com votos de uma semana especial e agradeço desde já a participação na escolha do meu próximo post de viagem nacional!!!!

*Fontes:
http://www.mochileiros.com/fim-de-semana-em-palmas-to-t84725.html
http://www.brasil.gov.br/para/secoes-regionais/tocantins/fotos-de-tocantins/memorial-coluna-prestes/view
http://pt.wikipedia.org/wiki/Pra%C3%A7a_dos_Girass%C3%B3is
http://wikimapia.org/1722015/pt/Memorial-Lu%C3%ADs-Carlos-Prestes
http://pt.wikipedia.org/wiki/Pal%C3%A1cio_Araguaia
http://lumascarenhas.blogspot.com.br/2012/08/palacio-araguaia-palmas-tocantins.html
http://viagem.uol.com.br/album/guia/palmas_album.jhtm#fotoNav=5
http://www.meutocantins.com.br/praia-da-graciosa-palmas/
http://viagensx.blogspot.com.br/2012/02/dia-4-palmas-ilha-do-canela-e.html
http://viagem.uol.com.br/ultnot/2012/04/16/taquarucu-em-tocantins-oferece-cachoeiras-adrenalina-e-muita-natureza.jhtm
http://wikimapia.org/1717057/pt/Praia-do-Prata

Bonfa-ass

38 comentários:

Flávia Mergulhão disse... [Responder comentário]

Bonfa de rodinhas!
Que lugar mais bacana! Muito bom conhecer através das suas lentes e depoimentos!
Bjos

Ana do Viajar é tudibom! disse... [Responder comentário]

Adorei a viagem!
Penso assim como vc: Ninguém irá tirar da retina dos nossos olhos aquilo que a gente viu pelo mundo á fora, diferente dos bens materiais.

A torcida é que vc venha para o meu estado - Bela e Santa Catarina!

Bjão
Ana
www.viajaretudibom.blogspot.com

Ana do Viajar é tudibom! disse... [Responder comentário]

Ahh deixa eu te falar, se ainda não foi, não perca tempo... Natal é lindooo!
Tenho muitas dicas no meu blog de viagens!
www.viajaretudibom.blogspot.com

Bjos da Ana!

Life for up disse... [Responder comentário]

Que espírito aventureiro de vcs!!!

Amei!

Conhecer cada pedacinho do nosso Brasil é com certeza renovante, pois existe cada lugar maravilhoso.

Mas confesso que nunca teria pensado em Tocantins...

Obrigada por nos fazer conhecer este pequeno lugar ao sol.

Um gde beijo
Isabela

www.life4up.blogspot.com.br

Elisa Barros disse... [Responder comentário]

Oi Katia! Confesso que ainda não senti vontade de ir a Palmas. rs

Eu quero muito ver seu relato sobre a Serra do Cipó (pode ficar triste porque não pude ir?). Quem sabe come ele eu me animo e resolvo visitar esse lugar tão pertinho de casa? rs

Beijão

Adriane Pinhate disse... [Responder comentário]

Que legal essas viagens de vcs pelo Brasil e é uma pena nao ter post sobre todas elas!

Adoraria!!!

bjs

Simplesmente... disse... [Responder comentário]

Vc vai adorar Natal, RN ...

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@Flávia MergulhãoMuito obrigada, querida! Adoro preparar esses relatos, pena que o tempo é curto demais... mas aos poucos, vou completando a minha lista, rsrs! Beijos!

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@Ana do Viajar é tudibom!Não é verdade, Ana? Gerar boas memórias não tem preço! Ah, estive em Natal sim, todos os lugares da lista eu já visitei, mas ainda não ganharam um post! Beijos!

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@Life for upImagina, querida! Não precisa agradecer, é uma delícia preparar esses relatos. O único porém é o pouco tempo que tenho disponível, mas vou mudando isso aos poucos! Um grande beijo!

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@Elisa BarrosPuxa, amiga, foi uma pena mesmo vc não ter podido ir, mas a gente se encontra em Inhotim, com certeza!!!!! Vimos paisagens muito bonitas na Serra do Cipó. Com certeza vou adorar fazer esse relato! Beijos!

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@Adriane PinhateEu também, Adri! Se meu blog fosse somente de viagens, acho que conseguiria fazer esses relatos todos, mas como também gosto de postar sobre comidinhas, festas, decoração, comprinhas etc., acaba não dando tempo. Por isso quis propôr essa enquete e aumentar a interatividade aqui no blog. Estou curiosa pra ver os lugares que os leitores vão escolher! Beijos!

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@Simplesmente...Oi, querida! Eu amei Natal!!!!! O Marcelo já publicou o relato dele no www.mochileiros.com, mas eu fiquei devendo! Como está na lista da enquete e é um destino turístico muito procurado, penso que tem grandes chances de ser o meu próximo relato de viagem nacional... vamos ver! Um super beijo!

Cy disse... [Responder comentário]

Kátia, eu adoro seus posts de viagens e fico #chatiada quando eles acabam! rsrsrs

Brincadeiras a parte, confesso (acho que já confessei antes tb) que alguns dos seus post me despertaram curiosidade e já viajei por causa disso (Ouro Preto é um exemplo). É tudo tão rico de detalhes.

O primeiro blog que consulto quando vou viajar é o seu. Venho, procuro o post e, quando acho, o lugar já fico feliz. Senti falta das suas dicas de NY, por exemplo. rs

Eu gostaria de ler um post sobre os Lençóis maranhenses. Deve ser lindo!!!

Ana Maria Braga disse... [Responder comentário]

Gosto de ver as fotos das suas viagens que são lindas.
Ainda não me animei em conhecer Palmas.
Boa semana.Bjs

Unknown disse... [Responder comentário]

Kátia, nunca pensei em conhecer Palmas, mas adorei seu relato!

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@CyCy, muito obrigada pelo seu feedback! Adorei saber que vc vem aqui procurar uma inspiração pra seus destinos de viagem, que legal! Espero que minhas dicas sejam úteis! Sobre os Lençois, eu amei, mas fomos na baixa temporada e nào vimos aquela exuberância toda das fotos de divulgação. Mesmo assim, vou adorar fazer esse relato, se for a vontade dos leitores! Estou ansiosa pra saber qual será a cidade campeã da enquete, rsrs! Beijos!

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@Ana Maria BragaMuito obrigada, querida! Palmas realmente não é um destino turístico muito procurado, o pessoal que visita Tocantins vai muito pro Jalapão, que deve ser super bonito! Mas se rolar um dia livre, acho que vale a pena dar uma esticadinha em Palmas. Um dia é suficiente mesmo. Beijão!

Deise Donelli disse... [Responder comentário]

Kátia,


Eu e minha filha estamos na torcida por Recife, Olinda e Cabo de Santo Agostinho, PE .

Beijos,

Deise Donelli

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@UnknownMuito obrigada! Fico feliz que tenha gostado! Beijos!

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@Deise DonelliQue legal, Deise! Eu adooraria fazer esse relato, até porque tem 2 anos que estivemos lá... seria ótimo relembrar essa viagem! Um super beijo!

Isa disse... [Responder comentário]

Bonfazinha queridaaa!!

To indo lá comprar o kit de festa.
só tenho 2 perguntinhas antes...

Os papeis pra impressao eu acho facil ?

e ainda ta rolando aquele descontinhooo?

bjuus

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@IsaOba, Isa!!!!!!!!! Não tenho como te dar um desconto na loja, mas me manda um e-mail que a gente negocia direto, rsrs! katiabonfadini@gmail.com Um beijào!!!!!

Casar é assim... disse... [Responder comentário]

Oi Bonfa!

Realmente não deve ter muitos relatos de viagens para Palmas...que legal poder conhecer um pouquinho mais do nosso país!! =)

Já pensou ter uma cachoeira no quintal de casa? Que delícia...mas eu tbm ficaria só fotografando, sem coragem para entrar em águas muito frias!!! rsrs...

Ahh, queria mto ver seu relato de São Paulo, pra conhecer a sua visão daqui!!! rsrs..

beijos!

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@Casar é assim...Gábi, estou devendo um ou vários posts sobre Sampa! Estive aí 3 vezes e a cidade tem tanto a oferecer que acho que nào caberia tudo num só relato, né? Vi que os Lençois Maranhenses estão com mais votos até agora, mas é uma pena que a gente tenha ido na baixa temporada. O lugar deve ser lindo na alta e tenho várias dicas legais, mas minhas fotos não fazem justiça à beleza do lugar! Estou ansiosa pra saber qual será o lugar escolhido pelos leitores no fim da enquete! Um super beijo!

Lucinha disse... [Responder comentário]

Katia,

Eu aqui de tão longe conhecendo o estado mais novo do Brasil. Linda natureza em volta desse lugar.
Amei o passeio, mesmo que virtual. Deu vontade de colocar os pés na água morninha, comer peixe frito etc.
E, você sempre linda e sorridente.
Beijos

Mia Novais disse... [Responder comentário]

Nossa, não sabia nada sobre Palmas e agora fiquei curiosa para conhecer :)

Meu voto vai para Recife, PE, terra da minha mãe!

Bjo!

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@LucinhaMuito obrigada, querida!!!!! Uma amiga que morou na cidade ficou preocupada da gente nào gostar e achar que não havia muito a se fazer, mas para um final de semana, foi perfeito! Acho que em dois dias deu pra conhecer tudo o que a gente queria, provar a culinária local e relaxar nas cachoeiras e praias de rio. Foi um final de semana muito gostoso e, é claro, São Pedro ajudou com o céu azul sem nuvens e sol forte! Beijos!

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@Mia NovaisOi, Mia! Que bom que gostou do post! Eu adoraria fazer o relato sobre Recife... vamos torcer! Mas, se nào for o próximo, um dia ele sai da lista e vira um post, prometo! Beijos!

Maria disse... [Responder comentário]

Que coisa linda! Sempre quis conhecer o TO. Como é bom viajar. Pena que moro tão longe de tudo que fica dificil fazer isso em finais de semana. Até chegar a um aeroporto já perdi um dia. Adorei e adoraria ver um post sobre os Lençois Maranhenses, outro local que sou louca para conhecer. Bjus.

Eu que fiz... ou quase isso disse... [Responder comentário]

Oi Katia, eu abbo nas suas viagens e nas fotos é claro, fico olhando como agente tem belezas naturais aqui no Brasil, eu se pudesse conheceria todo o Brasil só iria para fora para ver a neve como ja comentei, do mais o Brasil é lindo.

Cachoeira é linda.

Um sobre os lugares difícil escolher eu adoraria que vc fosse em lugares que eu naõ conheço, mas amo Recife/Olinda por isso indicaria lá, mas tb adorei Vila Velha a vista lá é espetacular, mas sei que qualquer um que for escolhido vou adorar!
bjs

Gélia

Renata NAT disse... [Responder comentário]

Boa tarde,

estou precisando de umas 5 imagens de Palmas e gostei muito das suas.
Como devo proceder para poder utilizá-las?
Por favor entrar em contato.

Atenciosamente,

Renata - (63)8111-8188 TIM

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@Renata NATOi, Renata! Fico feliz que tenha gostado das minhas fotos! E olha que coincidência: vou pra Palmas amanhã! Você pode escrever para o meu e-mail a fim de conversarmos a respeito das imagens: katiabonfadini@gmail.com Beijão!

Camélia Maria Nunes disse... [Responder comentário]

Kátia, gostei muito do seu post. Acredite, tenho planos de conhecer a capital do Estado caçulinha de nosso país. Se gostar, quem sabe não me tornarei Palmense de coração? Obrigada e um bj.

Camélia Maria Nunes disse... [Responder comentário]

Ótimo post Kátia! Tenho pretensão de conhecer Palmas e, quem sabe, fixar residência por lá, já que procuro uma cidade calma e com uma natureza como a de lá. Senti falta de comentários sobre as serras de lá! Grande beijo.

Ellen Siqueira disse... [Responder comentário]

Olá Katia, Gostaria de saber, para dar tempo de conhecer todos esses lugares, tem que alugar carro na cidade? ou há outro meio de transporte? Obrigada, adorei tudo, tenho muita vontade de conhecer Palmas, Bjs

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@Ellen SiqueiraOi, Ellen! Nós alugamos um carro e acho que vale a pena porque as distâncias são grandes e acho que desse modo a gente economiza tempo. Fica mais fácil se deslocar em Palmas de carro mesmo, é como Brasília. Um beijão e faça uma ótima viagem!

Kassinha disse... [Responder comentário]

amei seu blog com todas as imagems.
é como se eu tivesse ido junto com vcs.<3 tudo muito lindo.
concertesa sera meu próximo destino de viajem.

excelente trabalho.

Related Posts with Thumbnails