quinta-feira, 11 de agosto de 2016

Slow living: uma maneira desacelerada e saudável de viver o dia-a-dia

09

Todos nós hoje vivemos um ritmo acelerado. A vida ficou apressada e o tempo curto. E mesmo quando planejamos algo, ele vem acompanhado de uma urgência esmagadora: emagrecer em 15 dias, conquistar metas em um mês, rejuvenescer rapidamente...Temos a impressão de estarmos sempre correndo atrás do relógio em desvantagem e, como consequência, acumulando angústia, estresse e doenças! Porém, num movimento contrário a essa avalanche de ritmo frenético, encontramos o Slow Living e é sobre ele que vou falar hoje. Você já conhece ou ouviu falar?

De forma geral podemos aplicá-lo em vários ou em todos os segmentos das nossas vidas: casa, animais, festas, vestir, comer e beber. E falando em comer, o movimento teve seu início em 1989 com o Slow Food, que tinha como objetivo o “comer bem para a sua saúde”. Hoje ele está mais abrangente, tendo o seu significado amplificado, que resumindo é: comer bem para garantir a própria saúde, a do planeta e a de quem está envolvido na produção dos alimentos.

Pegando carona no conceito do Slow Food atual, nessa maneira de viver de forma desacelerada, conectada ao simples e ao planeta com afeto e com menos consumo, surge o Slow Living, que tem muita representatividade nas minhas festas.

Nathalia Lovati Fotografia | www.nathalialovati.com.br

Mas ai você me pergunta: “Como assim, Mi?”

Bem ao começar, ou melhor, mesmo antes de me profissionalizar, tenho essa preocupação: gerar pouco lixo, utilizar objetos pessoais, ter comidinhas gostosas e caseiras feitas sem pressa.

Nathalia Lovati Fotografia | www.nathalialovati.com.br

Nathalia Lovati Fotografia | www.nathalialovati.com.br

Me preocupo também em utilizar descartáveis biodegradáveis, talheres de madeira, vidros que possam ser reutilizados, objetos que assumam outra função e assim causar menos danos ao nosso planeta.

Nathalia Lovati Fotografia | www.nathalialovati.com.br

Nathalia Lovati Fotografia | www.nathalialovati.com.br

Sabia que essas pazinhas têm o desenho de coração feito a base de soja?

Adoro agregar itens da festa na decoração da casa ou usar objetos ou brinquedos na decoração da festa. Dessa forma, trago a criança para participar e estimular o consumo consciente.

Nathalia Lovati Fotografia | www.nathalialovati.com.br

“Colocar a mão na massa” ou ter um trabalho artesanal presente na decoração da mesa ou do espaço da festa, representa bem esse estilo e se junta a todo o resto para formar um tecido e contar uma história.

Nathalia Lovati Fotografia | www.nathalialovati.com.br

Nathalia Lovati Fotografia | www.nathalialovati.com.br

Todos esses detalhes pensados com cuidado, planejados com carinho e atenção transformam as festas em um momento único, de tempo para contemplação e convívio.

Nathalia Lovati Fotografia | www.nathalialovati.com.br

E no final, ao festejar, ao celebrar um ano a mais, queremos representar e expressar o amor. Buscar novas maneiras de lidar com a pressa e desacelerar é saudável e prazeroso . Creio que isso deve ser praticado e estendido a todos os momentos de nossas vidas: no nosso micro mundo até o macro.

O que pretendo, no meu universo de festas, além de momentos de alegria e diversão, é gerar mais qualidade, evitar desperdício e proporcionar mais prazer em momentos que creio, sinceramente, devam ser comemorados e lembrados para sempre.

E você, já tinha ouvido falar no Slow Living?

Bem, caso queira conhecer mais um pouco do assunto que é abrangente e inspirador, sugiro uma visita ao site www.reviewslowliving.com.br.

Ah, a revista Casa Claudia do mês de julho tem uma matéria sobre esse novo olhar e o efeito no comportamento de pessoas que resolveram adotá-lo no seu cotidiano.

Quem sabe você já não pratica um pouco do Slow Living na sua vida ou resolve começar a incorporar esses hábitos no seu dia-a-dia?

Decoração e produção: Mi Orlando Decoradora de Festas

Fotos: Nathalia Lovati

Grande abraço

Sem pressa,

Mi Orlando

www.instagram.com/mi_orlando_eventos
https://www.facebook.com/MiOrlandoEventos/

Logomarca Principal

4 comentários:

Patricia Merella disse... [Responder comentário]

Maravilhoso post,amei conhecer o que é Slow Living.
A vida precisa segui seu ciclo natural,com mas aceitação,mas desapego,mas amor e menas pressa,beijinhos

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@Patricia MerellaTambém adoro esse conceito, Patricia! Nem sempre consigo aplicar, mas sinto falta de desacelerar em vários momentos... a vida hj é tão corrida, né? Super beijo!

Patrizia Monti disse... [Responder comentário]

Mais uma vez D-E-M-A-I-S...
já amava o Slow food, que acompanho no blog da Neide Rigo, o Come-se,
agora fui apresentada ao Slow Living...amei o conceito...estou cheia de duvidas já...mas vamos slow para não traumatizar hahahaha

amo esse blog, entro todos os dias e amo quando tem coisa nova.

beijos

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@Patrizia MontiOi, Patricia! Muito obrigada pelo comentário e pelo carinho, que fofa!!!! Seja bem-vinda sempre, sempre! Eu também adoro o conceito, esse mundo super veloz de hoje me deixa angustiada. Espero que o conceito de slow living se espalhe cada vez mais! Beijão!

Related Posts with Thumbnails