quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Uma breve incursão na alta gastronomia – parte 2: Olympe (Claude Troisgros)

Se a responsável por termos conhecido o trabalho da criativa Chef Roberta Sudbrack foi a Adriane Pinhate, as “culpadas” pela nossa ida ao OLYMPE, restaurante francês com toques brasileiríssimos do Chef Claude Troisgros, foram a Tamy Rolim e a Cath Vale.

Conheci a Tamy durante nossa viagem a Brasília em junho desse ano e a Cath via troca de e-mails. As meninas vieram ao Rio em agosto e havíamos combinado de ir ao Olympe juntas, mas o único dia livre que elas tinham coincidiu com a data da festa de casamento do meu cunhado. Infelizmente, não pudemos nos encontrar, mas fiquei com aquela ideia fixa de conhecer o restaurante e isso aconteceu antes de eu saber que participaria de um episódio do programa QUE MARRAVILHA!, do canal GNT. Quando o Claude esteve lá em casa e pude confirmar minha impressão sobre ele (um cara espontâneo, gaiato, simples e divertido), não tive dúvidas de que esse ano eu gostaria de comemorar meu aniversário no restaurante mais tradicional da grife Troisgros e ganhei o jantar de presente do Marcelo.

Fiquei surpresa com o tamanho do restaurante: é bem pequenininho! Mas isso é ótimo porque confere ao local uma atmosfera aconchegante e intimista. Os biscoitos de polvilho foram a primeira coisa a aparecer na mesa e estavam levinhos, crocantes e apimentados, do jeito que eu gosto!!!! Eu nunca tinha comido biscoito de polvilho com pimenta e achei uma delícia!!!! E reparem que foram servidos dentro de um simples copo. Dá pra gente fazer o mesmo em casa, não é legal?

Assim que nos sentamos, percebi a presença de uma bolota preta misteriosa do meu lado esquerdo. Tentei descobrir do que se tratava, pensei, pensei, pensei, virei a peça de cabeça pra baixo e não cheguei a nenhuma conclusão. O Marcelo ainda sugeriu que poderia tratar-se de um recurso para identificação das mesas e achei que era uma ideia plausível, não fosse pelo fato de todas as mesas possuírem bolotas pretas iguaizinhas. Não resisti e perguntei ao maître pra que servia o objeto não identificado. Ele respondeu que era um saleiro e que podia ficar virado pra baixo que o conteúdo não cairia, a não ser que a peça fosse chacoalhada… Achei super interessante e nunca havia visto nada parecido. Era feita de cerâmica pintada de preto.

A refeição começou com um cafezinho… não, é brincadeira! O que parece uma xícara de café é, na verdade, um amuse bouche feito com espuma de cogumelos trufados. Estava delicioso e deu a partida no Menu Confiance, que pedimos sem pestanejar, só fornecendo ao maître a informação de que o Marcelo não come peixe e eu não como ovo.

“Optando pelo Menu Confiance, os clientes ficam na expectativa para a chegada dos pratos, uma vez que variam de acordo com os ingredientes encontrados pelo chef na visita ao mercado naquele mesmo dia.”*

*Fonte: http://www.seurestaurante.com.br/rj/rio-de-janeiro/jardim-botanico/olympe

Pois é, nossa escolha foi a de sermos surpreendidos, mas eu não repetiria a dose, já que gostei mais dos pratos do Marcelo do que dos meus. Aprendi que realmente não sou fã de peixe branco em geral, o que fez com que minha experiência no Olympe ficasse um pouco comprometida, já que dos quatro pratos que provei, três tinham algum tipo de peixe como ingrediente principal.

Se algum dia voltarmos, eu pediria o Menu Especialidades, que conta com os carros-chefe tradicionais da casa, ou o Menu Criatividade, cujos pratos mudam de acordo com a estação do ano e possuem misturas inusitadas.

O primeiro prato do Marcelo foi foie gras com rapadura que vinha acompanhado de um copinho de cachaça, consumida em um só gole, conforme vocês podem conferir na foto à esquerda. Estava bem cremoso, derretia na boca e a textura crocante da rapadura se harmonizou bem com os outros ingredientes.

Minha entradinha foi tartare de atum e pepino crocante com tapioca-caviar. Vocês podem ver a receita aqui: http://contigo.abril.com.br/receita/receita_299618.shtml. Estava gostosa, mas preferi o foie gras.

Esse foi o prato do Marcelo que mais gostei: ravioli de batata baroa com manteiga de pignolis e recheio de mandioquinha. Enquanto comia, ele fazia “huuuummmmm” e eu estava doida por uma garfada. Realmente o sabor é fantástico e eu me arrependi mais uma vez de ter dito que comia peixe, rsrsrsrs!

As vieiras grelhadas estavam gostosas, mas o prato tinha salsinha, o que também esqueci de incluir na minha lista de restrições… ih, acho que eu estava chata esse dia!!!!

O misterioso prato do Marcelo tinha um purê de consistência aveludada e espuma de cogumelos, mas nenhum de nós dois se lembra exatamente do que se tratava e não consegui descobrir através do Google. Ele só sabe dizer que estava muito bom!!!! A gente deveria ter anotado os nomes das comidas que provou, já que o Menu Confiance está sempre mudando e não aparece no cardápio on-line do restaurante.

Esse prato foi o meu segundo preferido da noite: robalo com espuma de cogumelos trufados. Nesse momento, voltei a fazer as pazes com os peixes e comi tudinho saboreando cada pedaço bem demoradamente. O robalo desmanchava de tão macio e a espuma parecia ser a mesma do amuse bouche: nota dez!!!!

Nossa única interseção foi o magret de pato com laranja confit e figo assado, regado com molho de pimenta verde. Estava delicioso, não senti o sabor amargo que experimentei em outras ocasiões e achei ótimo ter sido a última porção da noite porque foi o ponto alto da nossa “extravagância gastronômica”.

Eu pensava que o Claude estivesse quase sempre no restaurante, mas parece que não é bem assim. Quando conheceram o Olympe há 6 anos, minha irmã, meu cunhado e mais um casal de amigos também tiveram a sorte de trocar algumas palavras com ele, que posou para uma foto com o grupo e autografou um livro.

Quando o Claude perguntou se estávamos comemorando alguma data especial e eu disse que era meu aniversário, ele fez uma surpresa: minha sobremesa veio até à mesa em um prato decorado ao som de "Parabéns pra você" e uma daquelas velas que soltam faíscas!!!! E ainda ganhei um abraço do Chef, que legal!!!!

Eu só preciso fazer uma crítica como designer que admira muito a língua francesa: o HAPPY BIRTHDAY escrito no prato deveria ser JOYEUX ANNIVERSAIRE. Combinaria bem mais com a atmosfera do restaurante, né?

A sobremesa que escolhi foi a mais tradicional da casa: o crêpe passion, que tem recheio cremoso e calda de maracujá. Estava bem gostoso, a massa parecia leve, o creme era farto e doce na medida certa. Já a calda tinha açúcar demais pro meu paladar. Encontrei a receita AQUI e fiquei feliz por não saber que a sobremesa levava dez ovos!!!! Eu não como ovo e sinto o sabor de longe, mas nesse caso não percebi nada.

O Marcelo pediu e aprovou o Brulée & Chocolat: trio composto de creme brulée com sementes de papoula, mousse de chocolate apimentada com chantilly e rolinho de doce de leite.

No geral, a experiência foi bastante positiva, mas eu e Marcelo tivemos impressões diferentes: ele gostou mais dos pratos do Olympe e eu, dos da Roberta Sudbrack. Foi inevitável fazer essa comparação e, pra desempatar, acho que precisamos voltar nos dois algum dia, rsrsrsrs!!!!

Pessoal, quero agradecer as mensagens carinhosas de vocês que me viram de relance na propaganda da nova temporada do QUE MARRAVILHA!. Comentei com alguns amigos que eu achei curioso ser reconhecida por alguém que nunca me viu pessoalmente, já que eu mesma quase não me reconheci, acreditam????? Assim como acho a minha voz esquisitíssima na secretária eletrônica (eu a imaginava mais grave e menos esganiçada!!!!), foi estranho me ver no vídeo. Sei que eu vou ficar bastante tensa no dia do episódio programado pra ir ao ar em 15 de dezembro, mas o Marcelo, mais tímido que eu, disse que não vai ter nem coragem de assistir!!!!

Um grande beijo pra todos com votos de experiências gastronômicas inesquecíveis!!!!

Bonfa ass

35 comentários:

Karla Coutinho disse... [Responder comentário]

Oi Katia...
Lindo o post com o Claude...para ser mais sincera, invejável ! rsrssrsr
É uma tremenda maldade vc postar essas coisas maravilhosas, pois eu estando aqui no meio da Floresta Amazônica, nada posso fazer.
Parabéns por mais um excelente post.
Beijinhos, Karla.

Sheila Mendes disse... [Responder comentário]

Oi Kátia, tudo bem?
Ainda não tive oportunidade de experimentar pratos tão elaborados como os deste post e do post passado. Fico pensando se teria problemas com os ingredientes um tanto quanto exóticos, considerando que em termos de comida, eu sou meio chata, rsrs
Mas está aí algo que ainda quero fazer, afinal, às vezes os riscos valem a pena.
Vou anotar o dia 15 na agenda do meu celular, não posso esquecer de assisitir ao programa. Que horas passa, você sabe?
Bjos.

Mania D' Marie disse... [Responder comentário]

Amiga que noite surpreendente,parabéns
Cheiro!!


http://www.maniadmarie.com/

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

Oi,meninas! Obrigada! Oi, Sheila, que saudades! O programa passa às 22 horas no canal GNT.Beijão!

Flávia Mergulhão disse... [Responder comentário]

Tré chic, madame Bonfa!
Adorei o post e suas observações.Mas pra dizer a verdade fiquei de olho nas sobremesas, sabe como é...D. Formiguinha já começa a coçar às 06:00 h da manhã ! rsrsrs
Bjocas

blog da cozinha disse... [Responder comentário]

Taí, Katia, de repente vou incluir uma ida a esses restaurantes durante minha estada no Rio... a planejar.
Fui uma vez no Miam Miam, da Roberta Ciasca em Botafogo. Fiquei apaixonada pela decoração. O ambiente é mais descontraído e a comida é ótima, se bem que estava tão nervosa com meu encontro que nem prestei atenção direito! Já esteve por lá? E a mesma turma à frente do Miam Miam também inaugurou o Oui Oui, que fica perto do Largo dos Leões, que parece bacana!

Por aqui tive o prazer de ir ao Fifteen, do Jamie Oliver, presente de aniversário dos sogros, que estavam de visita! Foi simplesmente fantástico, e comi um risotto de melao com gorgonzola que me tirou do sério. Não dei a sorte de cruzar com o Jamie por lá, mas quem sabe na próxima. Estou criando coragem (e $$$) pra investir num jantar no restaurante do Gordon Ramsey. Tenho que tirar proveito de estar morando por essas bandas, não é?
O grande lance é que fico tão excitada com a comida que nem tiro fotos pra fazer uns posts bacanas como os seus! Shame on me! :)
beijos!

Executiva de Panela disse... [Responder comentário]

Bom dia querida Katia! Que post legal! A proposta do saleiro que não derruba sal é bem interessante! Concordo com você: combinaria muito mais com o restaurante de um francês e ficaria mais simpático o 'Joyeux Anniversaire' impresso no prato. Beijos, Paula

Sara A. disse... [Responder comentário]

bonfa, sou fã do seu blog, das suas receitinhas, das suas viagens,das suas criações, enfim, td de mto bom gosto...e to adorando essa parte das incursões da alta gastronomia, pois tenho um blog sobre restaurante em Fortaleza bomdemesagarfoeboca.blospot.com....me visite e me siga, eu ia amar....falando em Fortaleza, nunk vi vc falando sobre...conhece nao? deveriaaaaa, recomendo demais, sou de brasília, mas fará 10 anos q moro em fortaleza, eh apaixonante, inclua nos lugares q vc deva conhecer, viu? bjinhos

Ana Paula disse... [Responder comentário]

Oi Kátia! Adorei esse post, pois vc elogiou o que tinha que elogiar, foi bem sincera. Agora, me diz, são quantos pratos? Acredito que quando a comida é muito bem feita não sentimos o gosto de coisas que não gostamos, eu odeio banana, de tanto que comi quando era pequena.
Bjão Ana.
www.deanaaz.blogspot.com

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

Oi, Ana! É verdade, eu me preocupei em ser sincera e dar a minha verdadeira opinião. Nem tudo me agradou, mas não sou crítica gastronômica e nem tenho essa pretensão, imagina! São 4 pratos + o amuse bouche + a sobremesa nesse Menu Confiance. Menina, me espantei em não perceber nem um gostinho longínquo de ovo na sobremesa... até no sorvete Haagen Dazs eu sinto uma pontinha de ovo, acredita????? Sou meio paranoica, né????? Beijão!

Bruna do Gourmandisme disse... [Responder comentário]

Katia, que delícia de jantar! A gastronomia do Claude é impressionante!
Aproveitando, posso dar uma indicação tmb??? Bem na frente do Olympe está o restaurante do Felipe Bronze, o Oro. Já fui 2x e recomendo fortemente! Alta gastronomia, moderna mas com toque brasileiro! beijos

Claudia disse... [Responder comentário]

Humm, a cara dos pratos está ótima. Eu também adoro o Claude e tô louca pra ver o programa na sua casa. Voc6e já sabe quando vai passar?

beijos

Claudia disse... [Responder comentário]

Humm, a cara dos pratos está ótima. Eu também adoro o Claude e tô louca pra ver o programa na sua casa. Voc6e já sabe quando vai passar?

beijos

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

Oi, Bruna! Desculpe o sumiço... estou com saudades de vc e do seu blog delicioso!!!!!!!!!!!!!!

Boa ideia o ORO. Eu conheci o trabalho do Felipe Bronze quando ele era chef do restaurante VISTA, no Leblon. Foi na época do Rio Restaurant Week e os preços eram bem convidativos!!!! Realmente amei meu prato! Foi uma ótima dica, mas vou deixar pro ano que vem porque vou precisar fazer uma nova poupança para as extravagâncias gastronômicas, rsrsrsrs! Beijão!

Mães e Festeiras disse... [Responder comentário]

Hum, Kátia, que sequência de posts deliciosos! Não sei como conseguiu fotografar tudo com tanta comida linda pela frente ... rsss
Não sei o que está acontecendo, mas não estou recebendo no e-mail suas novas postagens ... achei que era um problema do meu provedor, cadastrei outro endereço e mesmo assim, nada.
É uma pena, porque aí eu não acompanho suas postagens quase em tempo real :(
bjs,
Maria Tais
http://maesefesteiras.blogspot.com

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

Oi, Maria Tais! Eu também me cadastrei pra receber os posts por e-mail e acho que isso não acontece há 3 semanas. Ninguém está recebendo, aparentemente. Já aconteceu uma vez, não descobri o que fazer e a coisa se resolveu sozinha... Não sei como resolver isso, é o gadget FEED BURNER que se encarrega disso automaticamente. Se alguém souber como fazer para que volte a funcionar corretamente, me avisa? Um beijão e obrigada!!!!

Ana Carolina disse... [Responder comentário]

katia,querida
Semana passada estava assistindo o GNT, qdo passou a chamada do programa com a cenas da sua participação.
Dei um grito na sala:
- olha lá é a Bonfa!
Filho e marido ficaram sem entender nada com cara de paisagem, eu expliquei que se tratava de uma blogueira chiquérrima, a qual sou super fã e cujo blog eu sigo há tempos.
Voce já havia comentado meses atras sobre a sua participação e tal, mas é curioso, diferente vermos na TV 'ao vivo e a cores'(rs), alguem que conhecemos só do mundo virtual.
Dia 15 estou na frente da telinha p/ ve-la.
Bjs e + sucesso

Milena disse... [Responder comentário]

Amiga,quando leio seus relatos,me sinto mais privilegiada em te conhecer pessoalmente.

Adorei o post com suas sinceras considerações e depoimentos.

um bj,

Maria disse... [Responder comentário]

Super chic esse jantar. Eu adoro a composição do prato, fica tudo tão direitinho, nenhuma manchinha de molho fora do lugar. Eu iria gostar do seu jantar pois adoro peixe. Vou ficar imaginando o sabor. Bjus.

Mara Matos disse... [Responder comentário]

Olá Kátia,
Vou tentar assistir pela net, será que dá? Falta eu ouvir sua voz, mas tenho uma leve idéia!! Bjs

Feito a Mão disse... [Responder comentário]

Parece ter sido uma experiência melhor que a da RS. Ao menos estes pratos que vc diz não ter gostado fazem mais o meu estilo. Adoro peixe branco, principalmente robalo.
A sobremesa do Marcelo me deixou com água na boca.
hum...
Bj
Claudinha

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

Mara, dá pra ouvir minha voz aqui, rsrsrsrsrs! Pra vc não se assustar tanto quando o programa for ao ar!!!!! Beijão!
http://www.youtube.com/watch?v=qdwf5jyAUYU&feature=share
www.youtube.com

Casar é assim... disse... [Responder comentário]

Ainda bem que vi esse post antes do almoço!!..rsrs

Espuma de cogumelos trufados...isso deve ser mto bom!!!

Beijoss!!
Gábi

Cucchiaio pieno disse... [Responder comentário]

Hummm, que delicioso presente!
Comemorou com muito estilo.
Sou apaixonada por biscoito de polvilho e é uma das comidinhas brasileiras que sinto falta. Já comi com pimenta, mas prefiro o tradicional (sou fraca para pimenta)!
Quero muito vê-la no "Que maravilha"! Por favor, quando tiver o link me passe. Parabéns querida.
Te admiro muito
Beijão
Léia

Ly Mello disse... [Responder comentário]

Ai amiga, vc é tão chique! rsrs
Vou deixar minha TV programada pro dia 13/12! Minha musa na TV! #orgulhosa.

Beijocas.

Tati - Panelaterapia disse... [Responder comentário]

Oi Katia! Não comento sempre mas bato cartão por aqui, adoro!!!
Estou ansiosa esperando passar o "Que marravilha" que vocês participaram!
Quanto à sua dúvida sobre o que tinha nas taças, era sorvete de creme com caramelo de manga e uvas passas. Estou esperando eles me passarem as receitas para postar!
Bjs
Tati

Marly disse... [Responder comentário]

Katita,

Ah, eu teria adorado um presente assim, ainda que tivesse resultado aquém das minhas expectativas, só por causa da intenção de quem o deu, rsrs.
Por falar em presente, parabéns atrasado, e votos sinceros de que a vida te proporcione sempre muitas alegrias!
Claro que vou agendar a data da apresentação do programa! rsrs.
Ademais, desculpe eu não vir aqui com mais assiduidade, é que. além da correria, eu tenho andado às voltas com alguns desafios que têm alterado a normalidade de minha vida, rsrs.

Beijoca e, desde já, bom fim de semana, darling!

Fette di Amore gastronomia disse... [Responder comentário]

Eu não gostei desse post pq fiquei morrendo de fome... =D
Uma marravilha!!

Ailton santos disse... [Responder comentário]

oi querida eu adoro seu blog ,muito chic vejo sempre, tenho um também ,coisinha simples se puder passar por lá rsrsrsr e se gostar pode ficar tá beijos e vou assistir o programa no dia 15 ailton santos do blog casa arrumada
http://ailtonsouzasantos.blogspot.com/

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

Marly, você está certíssima! Foi um presentão e cheguei a ficar emocionada porque também foi uma surpresa do Marcelo!!!!! Beijão!

Larissa Lieders disse... [Responder comentário]

Oi Kátia!
Mais uma vez me deixou com água na boca no meio do expediente!!!
Vou marcar na minha agenda para assistir o programa e ouvir a sua voz! hehehe
Bj

Ateliete® disse... [Responder comentário]

Oi querida Kátia,
Gosto muito de suas experiências gastronômicas, e o melhor de tudo é que me divirto sempre, acho que cada casal tem sua marca e muitas coisas pertencentes a vida cotidiana. Uma fato engraçado que também reconheço entre meu marido e eu, é que tudo que ele pede no restaurante acho melhor do que o que pedi. Nem sei se vc já percebeu isso, mas o Marcelo parece ser dotado do dom de sempre escolher os pratos mais apetitosos que vc hahahahaha!!!Fico lhe imaginando esperando pelos pratos e quando chegam vc olha para o dele e pensa: Ahhh de novo! Deveria ter feito outra escolha :-))))
As fotos ficaram ótimas! Qdo estou nos restaurantes sempre fico tímida para fotografar. :-/
Um beijo carinhoso e excelente domingo.
Eliete

Ateliete® disse... [Responder comentário]

Oi, mandei um comentário, mas deu erro, não sei se recebeu!
Me avisa se não chegou tá? ;-)
Bjinhos

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

Eliete, você tem toda a razão,rsrsrsrs! O Marcelo implica comigo por causa disso: ele vai nas escolhas mais garantidas, enquanto eu prefiro "ousar" e quase sempre me arrependo, confesso!!!! Algumas vezes dá certo, mas não é regra! Gostei de sermos parecidas nesse aspecto!!! Beijão com muitas saudades!!!!

Marta disse... [Responder comentário]

Katita.. adorei o jantar elegante e super chic!!!!!
Só as apresentações das comidas são um luxo! E o ambiente tb deve ser muito gostoso!
Adorei a sobremesa do Marcelo!
Beijos

Related Posts with Thumbnails